Resenha: S.


S. ( O Navio de Teseu)
Autores: J.J Abrams e Doug Dorst (V.M Straka)
Editora Intrínseca
456 páginas

Esta obra é basicamente um extenso quebra-cabeça literário. Há duas histórias contadas que de certa forma se completam e até mesmo se assemelham. O livro “O Navio de Teseu” escrito pelo autor V.M Straka vem dentro de uma caixa com a letra S. impressa na capa. É um livro fictício de aparência antiga, escrito por volta de 1949.



Mas afinal, quem é V.M Straka? Esse é o grande mistério que envolve o livro. Apesar de ninguém jamais ter visto seu rosto, ele foi autor de diversos romances. Seu último livro, “O Navio de Teseu”, existe com a ajuda do tradutor F.X Caldeira que era uma das poucas pessoas que tinha contato, pois se correspondia com ele, mas também nunca o conheceu pessoalmente. Seus romances estão envolvidos com conflitos políticos que destruíram governos, prejudicaram organizações e empresas, que queriam sua cabeça. Straka apresenta uma reputação que envolvia conspirações e uma lista de assassinatos.
Topo